quinta-feira, 8 de maio de 2014

ADVOGADO SE IRRITA E ABRE CALÇA PARA SEGURANÇA MULHER EM FÓRUM

O advogado Gefson Oliveira se irritou com os procedimentos de segurança do Fórum Trabalhista de Manaus e ameaçou tirar as calças na frente da funcionária que o revistava. O ato foi flagrado por câmeras de segurança do prédio e divulgado nesta quarta-feira (7).

Ao passar pelo detector de metais, o dispositivo apitou e a funcionária pediu para usar o bastão para revistar no advogado. Em seguida, o homem abriu o zíper para a funcionária e outras pessoas que estavam no local.

O diretor do Fórum denunciou o ato de Gefson Oliveira ao Tribunal de Ética e Disciplina da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). A instituição afirmou que só vai se pronunciar sobre o caso após a apuração dos fatos.


Por telefone, o advogado afirmou que o ato foi para demonstrar a insatisfação pelo procedimento adotado na revista. "Eu estava atrasado para uma audiência, coloquei meu paletó e tudo mais no raio-x e falaram que queria me revistar. Perguntei se ela queria logo que eu tirasse a minha roupa. Foi quando fiz aquilo, mas não tirei nada", declarou.


Ainda segundo Oliveira, promotores e desembargadores não passam pela revista. "Me sinto constrangido por atuar ali há mais de 20 anos e continuar sendo tratado assim. Não foi um ato contra a servidora, e sim contra as normas", afirmou.
Do G1/AM

Nenhum comentário:

Postar um comentário