quarta-feira, 2 de maio de 2012

UERN: DECISÃO SOBRE GREVE É ADIADA; PROFESSORES SE REUNIÃO COM GOVERNADORA MAIS UMA VEZ


aduern_sede
Os professores da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Uern) decidiram adiar o indicativo de greve, que seria votado hoje, para amanhã. É que, no meio da assembleia realizada na manhã desta quarta-feira na sede da Associação dos Docentes da Uern (Aduern), a categoria recebeu uma ligação de representantes do Executivo estadual com o seguinte teor: a governadora Rosalba Ciarlini informava que tinha o desejo de se reunir pessoalmente com os professores ainda hoje, no final da tarde, para mais uma tentativa de negociação.

A solicitação foi atendida. Representantes da Aduern vão a Natal para mais uma vez discutir o tema e tentar evitar a paralisação, que, pela frequência que vêm ocorrendo, tem deixado os alunos da instituição insatisfeitos. “Deliberação sobre a greve foi adiada para amanhã, às 9h. Hoje à noite, a Aduern irá se reunir com a governadora Rosalba Ciarlini. As aulas da Uern estão suspensas até a decisão da assembleia de amanhã, às 9h”, comunicou a associação pela Twitter.

ENTENDA

No último dia 23, em assembleia com o reitor da universidade Milton Marques, os professores foram informados de que o reajuste de 10,65% não constava nos contracheques de abril, como havia sido combinado em setembro do ano passado. O acordo é o que tinha dado fim a greve histórica de 106 dias realizada pela categoria no ano passado, e previa, além dos pouco mais de 10% mencionados, mais 7,43% em abril de 2013 e outros 7,43% no mesmo mês de 2014.
Diante dessa situação, os docentes tinham aprovado um indicativo de greve para este dia 2 de maio, que seria o dia do início do semestre letivo. A categoria chegou a se reunir com o Governo, depois de anunciado o indicativo, para negociar um acordo, mas não se chegou a um ponto comum. 
Fonte: O Mossoroense

Nenhum comentário:

Postar um comentário