quarta-feira, 31 de julho de 2013

COM VAGAS NO RN, CONCURSO DO INSS SERÁ LANÇADO EM AGOSTO



O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) informou que o edital de abertura do novo concurso que oferecerá 300 oportunidades para analistas do seguro social sairá já na primeira quinzena de agosto. E o órgão também determinou quais serão as áreas de ocupação.

Poderão participar graduados em administração, ciências atuariais, ciências contábeis, direito, engenharia civil, engenharia mecânica, engenharia elétrica, engenharia de telecomunicações, engenharia com especialização em segurança do trabalho, arquitetura, tecnologia da informação, terapia ocupacional, pedagogia, psicologia, comunicação social (jornalismo), comunicação social (publicidade e propaganda), fisioterapia e letras (língua portuguesa). O salário inicial é de R$ 7.147,12.

Os aprovados serão lotados nas cinco superintendências regionais do INSS no país (Sudeste I, Sudeste II, Sul, Nordeste e Norte/Centro-Oeste).

Saiba mais
Por meio de extrato de dispensa de licitação, publicado no Diário Oficial da União, o INSS contratou a Funrio para ser a banca organizadora de seu novo concurso público. Inicialmente, o Planejamento havia autorizado 500 vagas, que foram revogadas por nova portaria. O prazo final para a publicação do edital de abertura da seleção é até janeiro de 2014.

O certame mais recente para o cargo de analista de seguro social foi em 2009 e em maio deste ano o INSS nomeou mais 250 candidatos aprovados na seleção. Desde a realização do concurso, mais de 1,5 mil candidatos já foram nomeados. Inicialmente, o edital da seleção previa a contratação de 900 analistas.

Os contemplados são lotados no Distrito Federal e nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Espírito Santo, Paraná, Ceará, Bahia, Alagoas, Rio Grande do Norte, Pará, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás, Amazonas e Tocantins.

Também organizado pela Funrio, o concurso contou com 43.354 pessoas inscritas - uma concorrência de 48 candidatos por vaga. Para concorrer, os candidatos deviam possuir graduação em serviço social. O salário oferecido à época foi de R$ 2,5 mil para jornada de trabalho de 40 horas semanais. Os candidatos inscritos foram submetidos à avaliação objetiva, de caráter classificatório e eliminatório.

Do Correio web

Nenhum comentário:

Postar um comentário