segunda-feira, 20 de junho de 2011

POLICIAIS MILITARES SE ENVOLVEM EM CRIMES


Domingo Espetacular mostra histórias de abuso e violência na abordagem policial

 Uma sucessão de crimes envolveu policiais militares nas últimas semanas. São funcionários públicos treinados e que deveriam proteger a população.
No início dessa semana, um rapaz algemado foi agredido por um PM com tapas no rosto. O policial militar trabalha em Recanto das Emas (a 20 km de Brasília). A cena chocante foi registrada por uma testemunha com a câmera de um celular.

Ao perceber a gravação, um colega do policial agressor faz a câmera ser desligada. O rapaz que sofreu as agressões conta que estava bebendo em frente à casa de um amigo, quando saiu para urinar no muro. A vítima diz que um dos policiais o abordou com violência e xingamentos.
A corregedoria da Polícia Militar do Distrito Federal disse que já abriu um processo disciplinar. O policial, já identificado, continua trabalhando, mas ainda pode ser expulso da corporação.
No dia 10 deste mês, um adolescente, de 15 anos, foi morto com um tiro na nuca. Um policial militar autor do disparo. Ele estava com amigos quando três PMs se aproximaram. De acordo com testemunhas, a vítima estava de costas e foi puxado para trás pelo capuz da blusa. Ele abaixou a cabeça num movimento para frente. E o policial disparou em seguida.
Na delegacia, o policial, de 37 anos, disse que a arma disparou acidentalmente na hora da abordagem. Ele foi preso em flagrante, mas obteve um habeas-corpus cinco dias depois. Ele continua na corporação e vai responder em liberdade por homicídio culposo, sem a intenção de matar. 
Fonte: r7.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário