quinta-feira, 29 de agosto de 2013

“EU TENHO UM SONHO”

Foto: Os 50 Anos do Histórico Discurso de Martin Luther King – "Eu Tenho um Sonho".

Em 28 de agosto de 1963, após realizar a Marcha sobre Washington e à frente de mais de 200 mil pessoas, Martin Luther King Jr., nos degraus do Lincoln Memorial, imortalizou suas lendárias palavras  "I Have a Dream" ("Eu Tenho um Sonho"). 

O discurso estrondou arrepios, prenunciou mudanças significativas e retumbou na História como um dos mais significativos, justos e fraternos. Em 1963, Martin não gritou apenas pela igualdade dos Direitos Civis entre os norte-americanos, tampouco pela paz nos EUA, mas, essencialmente, pela confraternização universal entre homens e mulheres sem se enxergar a cor, raça, credo...

Martin, por lutar em defesa da igualdade, recebeu o Prêmio Nobel da Paz em 1964 e um tiro mortal no pescoço em 4 de abril de 1968, quando se preparava para uma passeata em Memphis, no Tennessee. Em sua homenagem, ruas, avenidas e praças foram renomeadas, feriados instaurados e medalhas póstumas concedidas por nações estrangeiras.

[VÍDEO] Discurso de 28 de agosto de 1963 (legendado): http://bit.ly/17jAQAs



Texto: Eudes Bezerra.
Administração Imagens Históricas.

IMAGEM: "Martin Luther King Jr. Cumprindo seu famoso discurso", em 28 de agosto de 1963, em Washington, DC, EUA. Bettmann/CORBIS. ID: BE047205.

REFERÊNCIAS:

BBC (org.). Martin Luther King. Disponível em: << http://www.bbc.co.uk/history/people/martin_luther_king.shtml >>. Acesso em: 28 ago. 2013.

BLAINEY, Geoffrey. Uma Breve História do Século XX. São Paulo, SP: Fundamento, 2008.

LEAL, Lucía. "I have a dream", de Martin Luther King, completa 50 anos. Disponível em: << http://exame.abril.com.br/mundo/noticias/i-have-a-dream-de-martin-luther-king-completa-50-anos >>. Acesso em: 28 ago. 2013.
Os 50 Anos do Histórico Discurso de Martin Luther King – "Eu Tenho um Sonho".

Em 28 de agosto de 1963, após realizar a Marcha sobre Washington e à frente de mais de 200 mil pessoas, Martin Luther King Jr., nos degraus do Lincoln Memorial,imortalizou suas lendárias palavras "I Have a Dream" ("Eu Tenho um Sonho").

O discurso estrondou arrepios, prenunciou mudanças significativas e retumbou na História como um dos mais significativos, justos e fraternos. Em 1963, Martin não gritou apenas pela igualdade dos Direitos Civis entre os norte-americanos, tampouco pela paz nos EUA, mas, essencialmente, pela confraternização universal entre homens e mulheres sem se enxergar a cor, raça, credo...

Martin, por lutar em defesa da igualdade, recebeu o Prêmio Nobel da Paz em 1964 e um tiro mortal no pescoço em 4 de abril de 1968, quando se preparava para uma passeata em Memphis, no Tennessee. Em sua homenagem, ruas, avenidas e praças foram renomeadas, feriados instaurados e medalhas póstumas concedidas por nações estrangeiras.

Fonte: Texto: Eudes Bezerra.
Administração Imagens Históricas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário