segunda-feira, 22 de abril de 2013

POLÍCIA CIVIL DO DF REALIZARÁ CONCURSO PÚBLICO PARA OS CARGOS DE AGENTE E ESCRIVÃO

Foto: DECAP prende homem por estelionato

Nesta quarta-feira (17), policiais da Delegacia de Repressão aos Crimes Contra a Administração Pública (DECAP) prenderam Jean Gonçalves da Silva, acusado de estelionato. A prisão ocorreu, no Riacho Fundo II, em cumprimento a mandado de prisão preventiva. 
As investigações apontaram que Jean havia trabalhado no Detran como terceirizado, quando adquiriu uniformes daquela autarquia. Após sair desse emprego, Jean passou a procurar pessoas com dificuldades em obter a carteira de motorista (CNH). Dessa forma, com o uso de uniformes do Detran, ele se passava por servidor do órgão, e informava às vítimas que conseguiria obter a CNH, sem que elas precisassem frequentar aulas teóricas, passar pelo teste psicotécnico e realizar a prova teórica. 
Por conta de toda essa facilidade prometida às vítimas, Jean cobrava valores entre R$ 900 e R$ 3 mil. Agindo dessa forma, em quase dois anos, ele teria captado 20 vítimas, já identificadas pela DECAP. Calcula-se que ele teria obtido de R$ 20 a R$ 30 mil com a aplicação desses golpes. 
Foram apreendidos uniformes do Detran – dois casacos de chuva, duas camisetas, duas calças táticas e dois bonés –, além de dois cones de sinalização de trânsito, código de trânsito e manual de infrações de trânsito. 

Divisão de Comunicação/DGPC
Sede da Polícia Civil do DF
Oferta de 285 vagas. PC-DF.

O concurso para escrivão da Polícia Civil do Distrito Federal (Civil-DF) deverá trazer 95 vagas imediatas, quantitativo definido recentemente pela corporação. Conforme previsto pela autorização do processo seletivo, o edital incluirá, também, o dobro (200%) desse número para a formação de cadastro de reseva, ou seja, 190 oportunidades. A organizadora do concurso ainda será definida, o que deve ocorrer em breve.

Para concorrer ao cargo de escrivão, é preciso ter nível superior completo e carteira de habilitação na categoria "B". O salário inicial é de R$7.887,33, podendo chegar a R$11.879,08 com o acréscimo de gratificação de atividade penitenciária e adicionais noturno por insalubridade e por titulação, caso os aprovados sejam pós-graduados.

No final de 2007, a Fundação Universa organizou a última seleção para o cargo. Foram oferecidas 120 vagas (63 imediatas e 57 para cadastro). Os inscritos passaram por provas objetiva e discursiva; exames biométricos e avaliação médica; teste físico; prova prática de digitação; análise de títulos; sindicância de vida pregressa e investigação social; e avaliação psicológica.

Agente - A elaboração do concurso para agente será retomada após o lançamento do para o cargo de escrivão, com previsão de lançamento do edital até julho. Serão 300 vagas, além de formação de cadastro de reserva. O cargo exige nível superior e carteira de habilitação na categoria "B". A remuneração inicial é a mesma do cargo de escrivão: R$7.887,33, podendo chegar a R$12.252,08, com as mesmas gratificações e direitos já mencionados. A Fundação Universa também organizou a última seleção para escrivão.

Em 2008, foram 23.993 candidatos disputando as 320 vagas de nível superior. Os critérios de avaliação foram prova objetiva, de aptidão física, sindicância de vida pregressa, investigação social e avaliação psicológica. Todos os aprovados passaram, ainda, por curso de formação profissional.

Nenhum comentário:

Postar um comentário