terça-feira, 16 de agosto de 2011

HOMEM MORRE EM CONFRONTO COM A POLÍCIA APÓS COMETER UM HOMICÍDIO EM MOSSORÓ


Por volta das 20 horas da manhã de hoje, 16 de agosto, o Centro Integrado de Operações de Segurança Pública- CIOSP foi informado pela viatura da área do bairro Santo Antônio que estava fazendo um levantamento no intuito de localizar uma pessoa acusada de cometer o homicídio algumas horas antes, e de posse de uma informação de que o acusado estaria escondido em uma residência os policias foram ao local.


O acusado após perceber a presença da polícia não se entregou e reagiu efetuando vários disparos contra os policiais envolvidos na operação, que reagiram a ação do meliante, e o mesmo foi alvejado com um disparo de arma de fogo e não resistiu ao s ferimentos, vindo a óbto ao dá entrada no hospital Tarcísio Maia.

A vítima foi identificada como sendo João Paulo de Oliveira de 19 anos, residente no bairro Santo Antônio. Ainda no local onde o acusado estava escondido a polícia encontrou duas escopetas calibre 12, com uma munição deflagrada na reação contra os policiais e várias pedras de crack, maconha prensada e alguns tabletes de cocaína.

Na casa situada na rua Francisco Sena, onde a vítima estava escondido, a polícia encontrou também duas mulheres que foram identificadas como sendo Francisca Edilma da Silva de 18 anos e Bruna Lopes Gomes de 28 anos que foram conduzidas a DP de plantão acusadas de serem as proprietárias da droga encontrada na casa.

Por volta das 1hora 30 minutos de hoje, dia 16, João Paulo de Oliveira que morreu em confronto com a polícia, matou Emanoel Saraiva dos Santos, 45 anos, que foi executado com um tiro de espingarda calibre 12, no rosto, no quintal de sua residência.

Emanoel foi morto na presença de seu filho de apenas 10 anos, que presenciou toda a violência. Segundo informações registradas o motivo do crime seria a disputa por tráfico de drogas, na Rua Maria Auxiliadora Bezerra, 55, conjunto Santa Helena, Bairro Santo Antônio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário