quinta-feira, 28 de março de 2013

ASSEMBLEÍA GERAL MARCA INÍCIO DE MOBILIZAÇÃO DOS MILITARES POR PLANO DE CARREIRA

Sd Tony (a direita), presidente da APRAM 

Aconteceu ontem (27/03) no Clube Tiradentes, em Natal, a Assembléia Geral Unificada para discutir acerca do processo de mobilização e aprovação da Lei de Promoção dos Praças da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros do Rio Grande do Norte. Foi a primeira assembléía realizada pelas entidades após o envio da proposta ao governo do estado onde ficou marcada como primeiro ato de uma grande campanha que objetiva cobrar a celeridade no trâmite e aprovação deste importante dispositivo legal que busca corrigir as disparidades caracterizadas pela inexistência de ascenção entre os praças das referidas categorias.


Além da APRAM, participaram da reunião representantes da Associação de Subtenentes e Sargentos (ASSPMBMRN), Associação das Praças do Agreste (ASSPRA), Associação dos Praças da Polícia Militar do RN (ASPRA PM/RN), Associação dos Praças da Polícia e Bombeiros Militares do Seridó (APBMS), Associação dos Cabos e Soldados da Polícia Militar (ASC) e Associação dos Bombeiros Militares do RN (ABM).

Na reunião foram abordados os principais pontos da Lei e as maiores reivindicações propostas no documento protocolado junto ao Governo do Estado no dia 26 de fevereiro. Os militares também puderam acompanhar todas as fases da tramitação do projeto. Entre os benefícios previstos com a aprovação da Lei está a possibilidade oferecida ao militar de galgar todas as ascensões funcionais da carreira de Praças, caso cumpra com os requisitos e obrigações militares. 

As entidades também deram início à campanha de divulgação do Projeto, com a distribuição de 5 mil adesivos para carro. Outra decisão tomada é a visita às unidades e interiorização da campanha no intuito de ampliar o alcance da mobilização. Para o Soldado Tony, presidente da APRAM "a categoria passa porum momento importantíssimo onde pela primeira vez na história se discute ascensão profissional numa corporação que tem quase dois séculos de existência e que exerce um trabalho primordial junto à sociedade. Espero muita união e mobilização para que nós praças conquistemos esse objetivo", declarou.
Do blog da APRAM

Nenhum comentário:

Postar um comentário