domingo, 17 de março de 2013

BASE ALIADA DEFINE EM REUNIÃO NOMES PARA O SECRETARIADO DO GOVERNO ROSALBA CIARLINI

rosalba TN
A reunião da base aliada para ajustar o relacionamento com o governo, ocorrida na tarde deste sábado (16), foi bem diferente do que o esperado, apartir da relação de participantes.

A cobertura do senador José Agripino (DEM), em Morro Branco, Natal, recebeu apenas o ministro Garibaldi Filho acompanhado do ex-deputado Elias Fernandes, representando o PMDB; e o presidente da Assembleia Legislativa, Ricardo Motta (PMN), representando o seu partido e a bancada governista. O deputado João Maia, do PR, não chegou a tempo já que passou parte do dia na reunião do seu partido em Apodi.

A governadora Rosalba Ciarlini (DEM) e o chefe da Casa Civil, ex-deputado Carlos Augusto, não participaram da reunião, pois a base aliada entendeu e decidiu que o encontro era exclusivo dos partidos da base, para as decisões tomadas serem apresentadas ao casal após o encontro.

Do encontro saiu deciões concretas, como a indicação de bons técnicos para compor o secretariado de Rosalba. Nomes ligados ao PMDB dos Alves e com trânsito livre em outros partidos da base.


Nome da Assembleia Legislativa foi descartado, tendo em vista que o próximo ano é de eleição e todos serão candidatos. Ou seja, se assumisse um cargo agora teria que se desincompatibilizar no início de 2014.



Essas foram as principais decisões. Os nomes que serão apresentados ao governo para assumir secretarias como Agricultura e Recursos Hídricos, não vazaram à imprensa.



O ministro Garibaldi Filho, que estava resistindo a permanência do PMDB na base governista, mostrou outra postura na reunião, sendo bastante participativo e apresentando soluções para os problemas.



O resultado da reunião seria apresentado ainda na noite deste sábado ao casal Rosalba/Carlos Augusto.



Se a governadora aceitar as indicações, a resposta virá nas próximas edições do Diário Oficial do Estado.

Fonte: Jornal de Fato


Nenhum comentário:

Postar um comentário