quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

LEI DA FICHA LIMPA, AINDA NÃO FOI DESTA VEZ

O Supremo Tribunal Federal, STF, suspendeu mais uma vez, nesta quarta-feira (15), o julgamento que vai definir a aplicação da Lei da Ficha Limpa. O motivo da suspensão foi porque a sessão chegava a quase seis horas, sendo que a nova sessão ficou marcada para o dia de amanhã, quinta-feira 16 de fevereiro.

O placar parcial antes da suspensão era de quatro votos a um pela manutenção da proibição às candidaturas de políticos condenados pela Justiça em decisões colegiadas ou que renunciaram a cargo eletivo para evitar processo de cassação.

Votaram afavor da aplicação da Lei, até agora, o relator, Luiz Fux, e os ministros Joaquim Barbosa, Rosa Weber e Cármen Lúcia,
O ministro Dias Toffoli foi contrário a pontos da ficha limpa.

Faltam ainda seis ministros votarem, entre os quais está o presidente do STF, ministro Cezar Peluso, e os ministros Ricardo Lewandowski, Ayres Britto, Gilmar Mendes, Marco Aurélio Mello e Celso de Mello.

Grandes são as expectativas em torno da aprovação ou não da “Lei da Ficha Limpa”, como ficou conhecida a lei complementar 135, pois caso seja aprovada pelo STF muitos serão os políticos que terão sua candidatura barrada pela Justiça Eleitoral, no entanto esperamos o desenrolar desta matéria de tão grandiosa importância para a nação brasileira que quer ver políticos “ficha suja” longe do Poder Executivo e Legislativo, federal e ou municipal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário