quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

POLICIA CIVIL ESCLARECE HOMICÍDIO APÓS UM ANO DE INVESTIGAÇÕES

Raimundo Nonato acusado do homincídio

Fabiano Alves foi atingido por cinco tiros, na porta de sua residência, no município de Pau dos Ferros, em fevereiro do ano passado.


Passado um ano do assassinato do comerciante de Pau dos Ferros, Fabiano Alves Bezerra, o “Gordinho do Frigorífico”, os policiais civis da 4ª Delegacia Regional identificaram o responsável pelos tiros contra o comerciante.

Fabiano foi atingido por cinco disparos de revólver calibre 38 na porta de sua residência, na noite do dia 11 de fevereiro de 2011. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu no local; sua esposa também foi atingida, mas não morreu.

O cearense Raimundo Nonato Soares Mota, de 45 anos, havia sido preso ainda em agosto passado, mas o Instituto Técnico e Científico da Polícia (Itep) só emitiu o laudo balístico que comprovou a autoria do crime esta semana.
No laudo, os peritos atestam que o revólver apreendido com Raimundo Nonato foi o mesmo usado no homicídio do Gordinho do Frigorífico.

Raimundo Nonato também é acusado por roubo no Estado de Goiás e havia um mandado de prisão em aberto contra ele.
Fonte: Jornal Vale do Apodi 

Nenhum comentário:

Postar um comentário