domingo, 10 de julho de 2011

POLICIAIS MILITARES CONVIVEM DIARIAMENTE COM A VIOLÊNCIA NO INTERIOR DO ESTADO

Dia 31 de Julho de 2011, minha turma de ingresso na Gloriosa PM/RN completa 05 (cinco) anos, mas apesar de sermos “recrutas” um fato me chama atenção nestes últimos meses, qual seja, o frequente confronto armado entre polícia e infratores.

Apesar do pouco tempo de atuação na PM/RN, até pouco tempo não tínhamos muitas notícias de confrontos armados entre polícia e pessoas descompromissadas com o ordenamento jurídico, as exceções não muito comum eram algumas ocorrências deste tipo na capital do Estado como também na segunda maior cidade do Estado, Mossoró.

Hoje, tal fato, está se tornando corriqueiro nas pequenas cidades do Estado, podemos citar como exemplo a cidade de Baraúna que em menos de 08 (oito) dias ocorreram dois confrontos armados em que dois meliantes tombaram sem vida após uma intensa troca de tiros e que graças ao nosso bom Deus nossos policiais saíram elesos.

O que mais nos preocupa é a falta de estrutura das polícias no interior do Estado que trabalha com um efetivo reduzido, onde na maioria dos casos o policial militar realiza diversas funções que deveriam ser feitas por outras instituições como: polícia civil; corpo de bombeiros; sistema penitenciário entre outras.

Em fim nobres companheiros, pedimos a Deus que ilumine todos nós e nos proteja de todos as armadilhas do inimigo todos os dias de nossa vida e principalmente quando vestimos a nossa farda e saímos de casa para dar segurança ao cidadão de bem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário